Quem sou eu

Minha foto

Tenho 50 anos, sou graduada em Serviço Social pela Universidade Federal de Alagoas (1987) e servidora pública desde 1988.  

 A Fibromialgia mudou minha vida e me fez rever todos os meus conceitos e valores após diagnóstico obtido em agosto de 2003. “É uma dor que maltrata, mas não mata”.  

De fato, tenho sobrevivido...

E a partir daí, de uma vontade de viver e não meramente sobreviver, aprendi que cada um precisa encontrar sua maneira de enfrentar as próprias dores e perdas, buscar uma saída quando tudo parece perdido e despertar ideias construtivas, pensamentos motivadores para prosseguir lutando e agindo. Porque a vida segue e não espera a nossa dor passar...

Em 2009 iniciei este blog pretendendo aprender a usar as ferramentas do Blogger: Espaço Arte, Terapia e Negócios como eu, vive eternamente em construção.

 Em 2012 comecei a empreender pequenos negócios de revenda como uma experiência de aprendizado que mantenho até os dias de hoje. Com muita paixão construí a VS Acessórios.

https://www.facebook.com/vs.semijoias.acessorios

https://www.instagram.com/souverasouza

Tenho interesse por autoconhecimento, bem estar, desenvolvimento pessoal e profissional, artes, viagens e empreendedorismo.

Quero passar pela vida com gratidão ao Criador, respeito aos demais viventes deste universo, humildade para corrigir meus erros e dignidade para escrever minha própria história. 

Porque...

"Enquanto houver sol, ainda haverá..."

 Muito a ensinar e muito mais a aprender!

 Com o coração cheio de gratidão  _/\_

 

Instagram

Google+ Followers

Seguidores

sábado, 2 de fevereiro de 2013

REFLEXÃO DE HOJE:

Publicado no blog de Regina Tavares http://coachingconsciencia.blogspot.com.br/

 PODEMOS TER TUDO



Por: Yehuda Berg


Precisamos abrir mão de alguma coisa para conseguir o que queremos???
Muitos se contentam com pouco, seja na vida profissional ou pessoal.
Deixamos nossas paixões de lado para levar o que chamamos uma “vida normal”. Permitimos que estatísticas, autoridades, desespero e antigas vozes do passado ofusquem nossa visão do futuro.
A Luz quer nos dar tudo.
Somos nós que nos limitamos, seja porque alguém disse que 'não podemos ter tudo' ou porque o que chamamos de fracasso nos fez enxergar dessa maneira.
É esse pensamento limitado que nos faz abrir mão das coisas.
Não acreditamos que podemos ter tudo.


Se começássemos a sentir um inflexível e incansável desejo de dar a nós mesmos uma nota 10 em todas as áreas de nossa vida, passaríamos a elevar nosso grau de exigência.
Mas o problema é que nos apegamos à ilusão de que, embora possamos ter muito sucesso, nosso sucesso se limitará a uma ou duas áreas da vida.
Lembro que na escola eu era ótimo em matemática, mas que ninguém ousasse sequer pensar em me mostrar um livro de inglês, num determinado momento da minha vida escolar, tive um professor que me fazia sentir um zero à esquerda no que se referia à leitura.
Então, parei de tentar e me resignei a ser bom somente em matemática.
Mesmo assim, anos depois, quando as notas já não importavam, descobri que eu tinha o que dizer às pessoas, e encontrei uma forma de transmitir minhas idéias em livros.
A resposta foi maravilhosa.
Tenho certeza de que você sentiu essa mesma alegria quando descobriu que podia se destacar em algo que julgava impossível.
Sim:
Podemos ter tudo.
Por que não?
REPENSE O QUE VOCÊ ESPERA DA VIDA e FAÇA ALGO REVOLUCIONÁRIO.
Uma ideia é se reconectar com algo que faz os seus olhos brilharem ou se desconectar de algo que o puxa para baixo.
Abandone um hábito ruim.
Recupere um antigo hobby.
Faça alguma coisa que o ajude a se reconectar com aquela parte de você que sabe que não existem limites para o que podemos realizar.

Yehuda Berg